Grid

GRID_STYLE
FALSE

Archive Pages Design$type=blogging$count=7

TRUE
HIDE_BLOG
Textual description of firstImageUrl

Homem que descumpriu isolamento em Canoinhas vai responder na Justiça

Nesta segunda-feira (11),  foi instaurada uma ação civil pública contra o homem que testou positivo ao Covid-19 e não cumpriu a quarente...


Nesta segunda-feira (11),  foi instaurada uma ação civil pública contra o homem que testou positivo ao Covid-19 e não cumpriu a quarentena imposta pela Saúde.

Ele infringiu a determinação do poder público que visa impedir a propagação da doença. Nesse sentido, foi fixada uma multa de R$10.000,00 (dez mil reais) pelo seu descumprimento.

O acusado é um canoinhense de 46 anos, morador do Campo d’Água Verde que retornou de viagem de uma área endêmica do nordeste brasileiro.

A OCORRÊNCIA:

No último sábado (9),  policiais militares de Canoinhas foram acionados, via 190, para verificar uma denúncia de que um homem, que testou positivo para Covid-19, havia saído de casa, com seu veículo.

O homem, por estar infecctado, teria que estar em sua residência, em isolamento, conforme orientação da Saúde, para evitar contaminar outras pessoas.

A PM foi até a residência informada e não avistou o veículo na garagem, bateu palmas, usou a sirene e ninguém atendeu. Em rondas, o veículo foi localizado e abordado.

Os policiais tomaram todas as medidas de segurança para abordar o paciente, onde foi constatado que o mesmo conduzia o veículo sem máscara ou luvas, e ainda limpava o nariz com lenço de papel.

Arrogante a todo momento, segundo os policiais, relatava que "não tem nada, que foi apenas no mercado, que não precisava ficar em casa".

Diante dos fatos em seu desfavor foi lavrado o boletim de ocorrência na modalidade Termo Circunstanciado e informado data e hora para comparecimento no Fórum. Nesta segunda (11), ele passou por audiência, onde foi fixada a multa.