Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE
FALSE
TRUE
HIDE_BLOG
Textual description of firstImageUrl

"Sou vereador e minha função é fiscalizar sim", diz Gil Baiano em nota

Uma polêmica envolvendo o nome do vereador Gil Baiano (ex-secretário de obras de Canoinhas) e de Nilson Cochask (também ex-secretário da ...


Uma polêmica envolvendo o nome do vereador Gil Baiano (ex-secretário de obras de Canoinhas) e de Nilson Cochask (também ex-secretário da pasta) sobre o conserto de um britador (que custou em torno de R$ 70 mil), posteriomente uma denúncia sobre o desaparecimento de uma peça do equipamento (orçada em R$ 7 mil), somado a demora de 3 meses para a prefeitura responder a um requerimento sobre o assunto, levou Baiano a emitir uma nota acerca dos fatos, nesta quarta-feira (20).

Leia na íntegra, nota enviada ao Canoinhas Online:

"Em virtude do que vem sendo noticiado em redes sociais, sites oficiais e site de notícias sobre uma troca de acusações entre ex-secretários do atual governo, venho deixar claro que:

—Não estou acusando ninguém sobre o caso em si, estou solicitando informações de um requerimento, que vale salientar foi apresentado pelo vereador Coronel Mário, e até a última segunda-feira não havia sido respondido [requerimento foi enviado à prefeitura há três meses].

—Sou vereador, e fiscalizar é sim uma de minhas atividades. Se recebo uma denúncia, o mínimo que devo fazer é requerer informações para que eu possa apurar os fatos.

—Dizer que não realizei as atividades corretas enquanto estive como secretário de obras, por 2 anos e 8 meses (de janeiro de 2017 a 19 de agosto de 2019), é simplesmente o mesmo que dizer que o prefeito não realizou nenhuma obra durante esse período.

—Estive a frente da secretaria de obras por 2 anos e 8 meses, justamente por opção do atual prefeito, se eu não tivesse realizado serviços relevantes, por qual motivo ele teria me mantido dentro da pasta por todo esse período?

—Durante o período que estive a frente da secretaria de Obras, trabalhamos com uma quantidade de maquinários bem inferior ao número que há atualmente (como patrolas, rolo compressor, escavadeira hidráulica, retro escavadeira, e caminhões).

—Vale ressaltar ainda, que no período em que trabalhamos com uma quantidade menor de máquinas, também tínhamos equipamentos sucateados e número reduzido de materiais. Por esse motivo, a secretaria de obras por meio de seus colaboradores, trabalharam com uma diferença enorme, atuando em dias normais, e ainda em sábados, domingos e feriados, tudo para tentarmos reduzir a demanda, pois tínhamos um número reduzido de máquinas.

—A secretaria de Obras faz a manutenção de vias, construções de bueiros e instalação de tubulação em valas de águas pluviais, sendo todos esses trabalhos um dever do gestor em executá-los, tudo em prol da sociedade canoinhense. Eu e minha equipe fizemos o máximo possível com o que possuíamos na época (maquinários e materiais em quantidade reduzida).

Deixamos a secretaria com maquinários novos, com material (como pedras) e ainda a extração de um cascalheiro, que lutei muito, juntamente com prefeito e vice, para podermos utilizar.

—Vale ressaltar que o prefeito Beto Passos, por diversas vezes comentou comigo, que eu seria secretário pelo período que eu quisesse, ou seja, saí da Secretaria de Obras por opção própria. Sei dos bons serviços que prestei em prol da comunidade, de forma correta e transparente.

—Vejo com extrema preocupação um funcionário da Secretaria de Obras, que ocupa cargo de confiança do atual prefeito, estar tentando criar intrigas entre os poderes, e tentando denegrir os nomes dos vereadores e do próprio Poder Legislativo"

Gil Baiano
Vereador