Grid

GRID_STYLE
FALSE
TRUE
Textual description of firstImageUrl

Família morre asfixiada após acender churrasqueira no quarto para espantar o frio

Churrasqueira estava no quarto, ainda com brasa. Foto: Reprodução/Jornal Hoje Um casal e uma criança foram encontrados mortos, dentro de...

Churrasqueira estava no quarto, ainda com brasa. Foto: Reprodução/Jornal Hoje
Um casal e uma criança foram encontrados mortos, dentro de casa, após o dono do imóvel estranhar a ausência deles por quase dois dias, e acionar a polícia para relatar o fato.

O proprietário do imóvel informou que viu o casal na tarde do último domingo (7). Durante toda a segunda-feira estranhou não vê-los, principalmente a criança, mas achou que eles poderiam ter saído.

Na terça-feira (9), perguntou aos vizinhos se alguém os teria visto. Com a negativa, acionou a polícia, que compareceu ao local e arrombou a porta da residência, que fica em Guarulhos, na Grande São Paulo.

O pai, de 27 anos, a mãe de 20 e o filho do casal, de apenas 2 anos, foram encontrados mortos. Não havia sinais de violência, segundo a polícia.

Casal e um filho morreram asfixiados, após inalar fumaça/Reprodução
No quarto também havia um saco de carvão, uma churrasqueira, que ainda estava quente e um cheiro forte de fumaça.
O pai estava deitado na cama com a criança e a mãe estava deitado no chão, ao lado.

A polícia acredita que o casal acendeu a churrasqueira dentro do quarto para espantar o frio, já que a temperatura marcou menos de 6 graus na região naqueles dias.

A perícia determinou que a causa das mortes foi por asfixia. Eles morreram dormindo, após inalar fumaça.

O casal era da Bahia e morava em Guarulhos há três anos e há menos de um mês havia alugado o imóvel onde foram encontrados mortos.