Pronto Atendimento de Canoinhas conta agora com três médicos plantonistas na unidade

O município de Canoinhas anunciou a contratação de mais um médico para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Até agora, dois médicos cumpriam plantão na UPA e, quando necessário, era acionado o sobreaviso ou um terceiro profissional ( em situações de acidentes de múltiplas vítimas ou em casos extremos de grande demanda de emergência).

Com a contratação de um terceiro médico, o município objetiva trazer maior suporte aos profissionais que lá atuam e melhorar o fluxo de atendimento aos pacientes.


Segundo a Secretaria da Saúde, Zenici Dreher, "o contrato para terceiro médico é até 6 horas por dia, de domingo à domingo, nos horários de maior pico definido pela equipe da UPA e médicos plantonistas, com início dia 10/01/2019 previsão até 31/12/2019'.

"Mais um médico plantonista irá suprir a demanda no atendimento, principalmente agora em que houve uma paralisação do atendimento na rede pública de saúde em outros municípios e o aumento no número dos casos de virose'.




Também há a questão da falta de atendimento dos planos de saúde em urgência e emergência. Todos esses fatores tem sobrecarregado a UPA desde o final de 2018.

Zenici lembra ainda que a UPA sobrecarrega porque é a porta de entrada do Hospital Santa Cruz, que não tem pronto socorro próprio.

Quanto a Classificação de Risco, a secretária diz que está sendo feita a adequação para implantação do Protocolo de Acolhimento com Classificação de Risco na UPA 24h,  conforme Portarias e orientações do Ministério da Saúde.

O processo será implantado por etapas de janeiro à junho do corrente ano.

A organização dos ambientes e classificação de risco será por determinantes conforme protocolos clínicos que classificam o paciente conforme queixas e dados clínicos por "cor" e definem tempo aproximado de atendimento.