Mistério envolve duas mortes de trabalhadores de uma cooperativa em Lebon Régis

Duas mortes, a princípio sem relação, ocorreram na manhã deste sábado (12), em Lebon Régis, no meio oeste catarinense.

Dois funcionários da empresa Copercampos morreram em diferentes circunstâncias e curto espaço de tempo entre as mortes.


Um jovem de 26 anos, identificado como Jaisson Gomes Pinto, foi encontrado morto em um armazém dentro da empresa, na manhã deste sábado (não foi divulgado o horário e não há informações sobre o que teria causado a morte do funcionário). 


Próximo ao local, por volta das 8h30min, outro funcionário da mesma empresa morreu em um acidente,  na SC-350 entre Lebon Régis e Caçador.


O operador de máquinas de cereais, José Maria Varela, conduzia um automóvel Chevrolet Prisma, com placas de Campos Novos, quando saiu da pista após uma curva e colidiu contra uma árvore, de acordo com a Polícia Militar Rodoviária de Lebon Régis, que atendeu a ocorrência.


Ele chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Maicé de Caçador, mas morreu a caminho da unidade.

A informação de que ele deslocava-se para a cooperativa, após saber da morte do colega, não foi confirmada. 


O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, que já está de posse de imagens de câmeras de monitoramento interno da cooperativa. 

O corpo de Jaisson foi levado a Caçador para exames cadavéricos no Instituto Médico Legal (IML), a fim de apurar a causa da morte.

A Polícia Rodoviária Estadual apura as causas do acidente que tirou a vida de José Maria Varela.

Os dois foram velados na tarde deste sábado: Jaisson em Lebon Régis e José Maria em Campos Novos.

Em nota, a Copercampos diz que "está comprometida com as investigações da causa da morte de Jaisson, que se encontrava em ambiente de trabalho quando perdeu a vida".