Pesquisar neste site

Mulher ameaçada de morte usa WhatsApp para pedir ajuda, em Três Barras

No domingo (18), por volta das 19h30, equipes da PM de Três Barras foram acionadas até a Rua Rodolfo Knop, bairro São Cristóvão, para atendimento de ocorrência cárcere privado, violência doméstica (Lei Maria da Penha) e ameaça.


Chegando próximo do local da ocorrência, os policiais militares conversaram com a solicitante e comunicante do fato, a qual relatou que o casal esta em processo de separação, que o homem faz muita tortura psicológica e tentou matar sua ex-esposa, sufocando-a com um travesseiro.
Relatou também que ele a raptou no sábado à noite e que ele ameaça a mulher todo tempo de morte.

Na tarde de domingo, a vítima que estava mantida em cárcere privado, conseguiu pegar um celular e por mensagens via Whatsapp pediu ajuda para uma pessoa conhecida e esta acionou a polícia.


Na residência mencionada na denúncia, os policiais encontraram a vítima dentro de um veículo, em estado de choque.
Ela relatou que está tentando se separar de seu esposo há algum tempo, porém ele não aceita o fim do relacionamento. 

Na noite de sábado, por volta da meia noite, o homem foi até a sua casa armado com uma faca (arma branca) e a ameaçou de morte, dizendo que após matar ela, iria pegar os filhos do casal e iria embora de Canoinhas.

Diante dos fatos foi dado ordem de prisão ao autor, lido seus direitos constitucionais e conduzido até a Delegacia de Policia Civil de Canoinhas juntamente com a vítima para providências cabíveis.