Jovem agride bebê de seis meses porque ele não parava de chorar, em SC

O jovem de 21 anos, que é pai da criança, disse que se arrependeu das agressões e por isso fez a denúncia. Ele também afirmou à polícia, que não foi a primeira vez que bateu na menina, pois ela não parava de chorar.

Bebê ficou com hematomas nas pernas e no peito/Divulgação
A Polícia Militar de Porto Belo foi acionada na tarde de sábado (27), para atender ocorrência de agressão contra uma criança de seis meses.

No local foi entrado em contato com solicitante, que declarou ser ele mesmo o autor da agressão contra a própria filha e que ligou para 190 para autodenunciar-se.




O jovem, identificado como F.V. de 21 anos, também declarou que perdeu a cabeça e começou a dar tapas na menina para fazê-la parar de chorar.

Ele deu tapas na barriga e no peito da criança pois teria ficado sozinho em casa para cuidar dela, já que mãe estava trabalhando. Disse também que não foi a primeira vez que aconteceu.

A menina foi encaminhada ao Pronto Atendimento para receber os devidos cuidados e o Conselho Tutelar foi acionado.

A Polícia Civil indiciou o homem por lesão corporal com o agravante de ter sido cometido contra a própria filha. Ele foi encaminhado para o Presídio de Tijucas.