Celesc responde sobre instalação da nova subestação do Rio da Areia

Para a subestação de Canoinhas estão previstos investimentos de  R$ 6,8 milhões até  novembro de 2019.
A Câmara de Vereadores de Canoinhas recebeu ofício das Centrais Elétricas de Santa Catarina (CELESC),  Celesc, respondendo ao requerimento encaminhado pelo presidente da Câmara, vereador Coronel Mario Erzinger (PR), que solicitou informações sobre a capacidade instalada da subestação de Canoinhas, e também sobre a nova subestação da localidade de Rio da Areia.

Conforme ofício, para subestação Canoinhas, atualmente estão previstas duas etapas de obras, sendo que a primeira está em fase de contratação e consiste na instalação de um transformador de força 13,8/34,5 kV.
O valor da primeira etapa é de R$ 2,3 milhões, com a previsão de conclusão em dezembro deste ano.





Já a segunda etapa consiste na instalação de um transformador de força 138 kV/ 13,8 kV 20/26 MVA e reforma do setor 138 kV com a substituição de equipamentos. Esta segunda etapa está em elaboração de edital com valor do investimento aproximado em R$ 4,5 milhões, com previsão de conclusão em novembro de 2019.

Sobre a obra da subestação Canoinhas Rio da Areia de Baixo, foi informado que a mesma está na etapa de montagem eletromecânica, sendo que o transformador de força foi entregue pela empresa Weg no dia 20 de setembro.

“A etapa de construção civil está 95% concluída e a previsão de conclusão é para dezembro deste ano ainda”, explica no ofício o presidente da Celesc, Cleverton Siewert.

Já na rede de distribuição, estão previstos investimentos na ordem de R$ 4,6 milhões , obras nos alimentadores que terão o objetivo de abastecer e de escoar a energia oriunda da SE Canoinhas Rio da Areia de Baixo.

O investimento total nas obras para Canoinhas e região, totalizam R$ 11,4 milhões, buscando garantir maior qualidade e confiabilidade na energia distribuída na região.