No oeste catarinense, menina de 12 anos simula o próprio sequestro para tirar dinheiro da família

Menina simula sequestro em Santa Catarina

Uma menina de 12 anos, moradora do município de Modelo, no oeste catarinense, forjou o próprio sequestro para tentar dinheiro dos pais, mas o plano não deu certo.

De acordo com a polícia, o pai percebeu o sumiço da menina quando passou pelo quarto dela e percebeu que a janela estava aberta, no último dia 02 de setembro.

Na mesma noite, a família começou a receber mensagens pelo WhatsApp, aparentemente dos sequestradores, inclusive fotos de homens apontando armas, supostamente para a filha.


As mensagens também exigiam uma grande quantia de resgate. A família não pagou e ao perceber que não iria conseguir extrair dinheiro ela desistiu de prosseguir com a farsa. No fim da tarde do dia seguinte a garota foi encontrada em uma das praças da cidade.

Os pais foram até a delegacia e a polícia começou as investigações. A menor apontou nomes e perfis no Facebook e suposto veículo usado durante a madrugada.

Contudo durante o trabalho diversas dúvidas surgiram aos policiais quanto as informações prestadas pela menina e depois de comprovadas algumas circunstâncias e colhidos elementos foi constatado que a menor simulou toda a situação de sequestro para tirar dinheiro dos próprios pais.

Ainda de acordo com a polícia, ela acabou revelando que ficou escondida perto de uma construção e que as fotos enviadas para os pais, ela pegou da internet.
O inquérito ainda não foi finalizado, mas a garota deve responder a um procedimento por ato infracional.