Residência antiga é totalmente destruída por incêndio em Itaiópolis

Durante o combate ao incêndio, pessoas gravaram vídeos e postaram nas Redes Sociais criticando o trabalho dos Bombeiros.

Residência continha em seu interior grande quantidade de material de reciclagem. Foto: Bombeiros Itaiópolis
No final da manhã de domingo (12), um incêndio atingiu uma residência próximo ao centro do município.
Devido a casa ser antiga e conter em seu interior materiais provindos de reciclagem, o fogo se alastrou rapidamente e pouco pode ser feito pela guarnição dos Bombeiros Voluntários de Itaiópolis.

Na oportunidade, pessoas desprovidas de cultura e respeito, fizeram vários vídeos e postaram nas redes sociais, criticando a ação dos bombeiros, que trabalhando voluntariamente num domingo de Dia dos Pais, se esforçavam para conter as chamas diante das dificuldades.




No incêndio foram deslocados duas unidades de combate a incêndio, sendo um veículo Iveco ano 2004 e outro veículo Mercedes, ano 1976

Bombeiros pedem socorro

O Corpo de Bombeiros Voluntários de Itaiópolis iniciou suas atividades em 1º de setembro de 1995. Todos os seus membros são voluntários, ou seja, não recebem nenhum tipo de pagamento pelo trabalho que prestam.

Com veículos já desgastados pelo tempo e pelo uso, a entidade reforçou um pedido para a comunidade, que tem sido generosa, e a sensibilização dos representantes do município de Itaiópolis, para que possa ser equipado o mais rápido possível um caminhão 0 km que foi adquirido em 2017.

Orçamentos preliminares dão conta que são necessários entre R$ 300.000,00 e R$ 350.000,00 para transformação do caminhão (colocação do tanque de água, bombas, guindaste, equipamentos de resgate, entre outros). 

Caminhões que são utilizados para atendimento em ocorrências já estão desgastados pelo tempo e pelo uso.
Com uma ajuda mensal de cerca de R$ 4.800,00 para custear as despesas ( R$ 1.800,00 do SUS e  R$ 3.000,00 da prefeitura municipal), esse valor serve basicamente para abastecimento e manutenção dos veículos, que por serem antigos acabam apresentando problemas mecânicos com frequência.

A guarnição tem percebido um aumento significativo das ocorrências, o que torna urgente a necessidade de adaptação do veículo recebido em um moderno caminhão de combate à incêndio.

Deixamos aqui um apelo para alguns moradores daquele município que falaram mal da corporação e do trabalho voluntário e essencial que os Bombeiros prestam à região: lembrem-se que eles serão os primeiros a serem chamados se a sua vida ou seu patrimônio estiverem em risco.