Menino catarinense realiza sonho de ser policial rodoviário federal por um dia

O garoto Nicolas Rodrigues dos Santos, de 12 anos, quer ser policial rodoviário federal. Ele escreveu uma carta para a corporação da Polícia Rodoviária Federal em Santa Catarina e conseguiu passar um dia com os profissionais, inclusive com um uniforme personalizado.

 "Ser um grande policial é tudo que eu quero, mas sei que isso vai demorar um pouco", conta Nicolas, lendo um trecho da carta que chegou nas mãos do policial Jailson Lima, do posto de Biguaçu, na Grande Florianópolis.

Nicolos ganhou um uniforme, confeccionado no seu tamanho. Reprodução/NSC
 "Ao ler a carta eu me emocionei bastante. A gente acaba trazendo para a questão pessoal. Eu trabalho há 20 anos e lembrei do início, de todo o esforço para seguir a carreira", disse Lima.

A carta foi entregue a chefia e foi feita uma surpresa para o menino. O uniforme da PRF foi confeccionado no tamanho dele. "Eu fiquei emocionado. Quando eu chegar na escola eu vou mostrar para os meus amigos", comemorou a criança.

O policial mirim já domina as regras de trânsito. "Não beber enquanto dirige, usar sempre o cinto de segurança e respeitar a velocidade", enumera o garoto, que diz que agora só vai dedicar-se aos estudos para em seguida tornar-se o que mais sonha: policial rodoviário.


Recentemente, um garoto morador de Bela Vista do Toldo, enviou uma carta à Rocam de Canoinhas, onde conta que seu sonho é ser um policial. Os policiais canoinhenses também prepararam uma surpresa para o menino.