Prefeito de Canoinhas anuncia cortes nos gastos para 'fazer caixa"

Compartilhe:
Conforme Portaria publicada no Diário Oficial no último dia 02 de maio, o prefeito Beto Passos resolveu "retirar, a partir de 02/05/2018, o adicional por tempo integral de que trata o art. 78 da Lei nº 2.305 de 03/07/1990, concedidos a todos servidores da Administração Direta, Indireta e Fundacional desta municipalidade".

Segundo o prefeito, é uma medida de economia para reduzir gastos no Município de Canoinhas.

O chamado “adicional de 30%” é o pagamento realizado pelo Município ao servidor que permanece à disposição em qualquer horário, fora da jornada de trabalho, tendo em vista a essencialidade, complexidade e responsabilidade das respectivas funções.

Prefeito de Canoinhas corta adicional de servidores

A equipe econômica está analisando quanto o Município vai reduzir com despesas a partir deste corte tendo em vista que o adicional não será totalmente extinto: “neste mês vamos analisar caso a caso para não prejudicar os servidores e também a prestação dos serviços oferecidos pelo Município. É uma economia que não pode ter consequências à população”, destaca o prefeito.

Além do corte do adicional, Passos informou que haverá diminuição na liberação de diárias.

A proposta da redução nos gastos é fazer com que o Município tenha recursos. Segundo Beto Passos,o Governo do Estado cortou o Fundam e o Governo Federal reduziu pela metade os recursos que deveriam vir pelas emendas parlamentares. "Sem este dinheiro não temos como investir. É preciso economizar e fazer caixa para podermos aplicar”, explica Passos.