Há exatos 100 anos comemora-se o Dia das Mães no Brasil. A arte de ser MÃE!

Compartilhe:
No dia 12 de maio de 1918 comemorou-se o 1º Dias das Mães no Brasil. Registros apontam que ele foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre/RS , em 1918.

Mas foi só em 1932 que o presidente Getúlio Vargas oficializou o segundo domingo de maio como Dia das Mães no país.
Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica.


Mas, o que era para ser um dia de homenagens e expressões de amor, acabou virando uma importante data para o comércio no Brasil, perdendo apenas para o Natal em vendas.
Mas será que sua mãe pensa em presentes? Será que ela gosta de ser lembrada e homenageada somente neste dia? E para aquela mãe que já partiu, como fica o coração do filho (a) nesse dia, em especial?
Dizem que mãe é tudo igual. E é verdade!

Como toda mãe, a sua só quer sentir que seus filhos são agradecidos por tudo o que ela faz a eles. Só quer ouvir um " “te amo mãe, sou grato(a) por tudo que faz por mim.” Se sua mãe não está mais ao seu lado, faça uma oração e agradeça, mesmo assim, tudo o que ela fez por ti.

E não esqueça: não importa o que dê a sua mãe, dê junto a um abraço.