Crime ambiental é descoberto em Campo dos Pontes, interior de Canoinhas

Equipes da Agência  de Inteligência  do 3º Batalhão da Polícia Militar de Canoinhas, apreenderam na localidade de Campo dos Pontes, interior do município, várias munições e uma pele de animal silvestre.
A ação aconteceu no fim da tarde de segunda-feira (28), onde policiais cumpriam mandado de busca e apreensão em residência.

Pele de animal foi encontrado no interior de um paiol/Divulgação
Um homem foi abordado no local, mas nada de ilícito foi encontrado com ele, nem em sua residência, porém em buscas no interior de um paiol, foi localizado em uma sacola plástica pendurada, 62 munições, sendo elas: 59 calibre 38 deflagradas, três calibre 28, sendo duas intactas e uma deflagrada,  dois coldres de couro, uma pele de animal silvestre semelhante a Suçuarana e uma arcada dentária, provavelmente do mesmo animal.
Puma, no Brasil, chama-se suçuarana, onça-parda, onça-vermelha ou leão-baio.  Os adjetivos referem-se à cor do pelo do animal, que o diferenciam da onça-pintada.

O homem recebeu voz de prisão, sendo conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Canoinhas. Ele responderá pelo crime de porte ilegal de munição e acessório de arma de fogo.

A pele do animal silvestre foi entregue no Batalhão da Polícia  Ambiental de Canoinhas onde será lavrado o processo pelo crime ambiental segundo Decreto Federal  número  6514/2008 Art 24.