Corpo de canoinhense é encontrado em cachoeira, no município de Porto União

Compartilhe:
Na tarde deste sábado (05), por volta das 16h50m, um casal de turistas do município de Caçador/SC, em passeio pela região, avistou um corpo em uma cachoeira na região do Km 13, interior de Porto União.

Pedro Araújo foi encontrado morto em cachoeira de Porto União
Local onde o corpo foi encontrado.
A primeira equipe do Corpo de Bombeiros de Porto União que chegou ao local teve que descer pela encosta, um local de difícil acesso, para então poder avaliar a vítima.
Após constatação de que a mesma estava com ausência total dos sinais vitais e com suspeita de homicídio, foi solicitado apoio do IGP para realizar a perícia no local.

Equipes dos bombeiros tiveram dificuldades para resgatar o corpo.
Sob o comando do Tenente Marcos Colla, a equipe montou um sistema de resgate, sendo necessário a construção de um tripé improvisado com tronco de árvores e a utilização de equipamentos de salvamento em altura (cabo de salvamento, maca de ribanceira, mosquetões e roldanas), para fazer o içamento do corpo até a parte superior da cachoeira onde se encontravam as viaturas.

A ocorrência iniciou no final da tarde e se estendeu até a noite, o que tornou a operação ainda mais perigosa.
Segundo os bombeiros, pelo estado do cadáver, ele estava no local há pelo menos dois dias, informação que deverá ser confirmada pelo Instituto Geral de Perícias.

Corpo foi avistado por turistas que passavam no local. Reprodução/Facebook
Perto dali foi encontrado um veículo Fiat Uno, de cor preta, com placas de Canoinhas, o qual, em consulta ao sistema, descobriu-se que estava registrado em nome de Pedro Teodorico de Araújo.

No início da noite, o Instituto Geral de Perícias (IGP), confirmou que o corpo encontrado pertencia ao dono do veículo, Pedro Teodorico de Araújo de 52 anos, morador de Canoinhas.

Veículo da vítima foi encontrado abandonado próximo ao local. 
A Polícia não descarta a possibilidade da morte ter ocorrido em outro local e posteriormente o corpo ter sido desovado na cachoeira, visto que foi encontrado  rastro de sangue e mato amassado, indicando que o corpo foi arrastado, além de muitas manchas de sangue nas pedras.

Rastro de sangue e mato amassado próximo ao local.
Pedro Araújo foi encontrado morto em cachoeira de Porto União
Marcas de sangue encontradas no local de onde o corpo foi jogado.
A Polícia Civil já iniciou as investigações para descobrir as circunstâncias da morte, que a princípio é tratada como assassinato.

Pedro Teodorico de Araújo era contador e trabalhou por mais de dez anos na Prefeitura de Canoinhas durante os governos de Leoberto Weinert e Beto Faria e era irmão de um Sargento Bombeiro Militar do quartel de Canoinhas.
Nossos sinceros sentimentos à família.

Atualização em 06/05: A Polícia Civil de Porto União comandada pelo Delegado Regional Nilson César, efetuou a prisão, na madrugada deste domingo (06), de dois elementos acusados de cometer o homicídio de Pedro Teodorico Araújo. Os detalhes serão repassados amanhã, segunda-feira, em uma coletiva de imprensa.


Fotos: GVV/CBN/PM/SC