Veja como é e como funciona o Centro Cirúrgico do Hospital Santa Cruz

O Centro Cirúrgico do Hospital Santa Cruz de Canoinhas é estruturado com 04 salas cirúrgicas, 01 sala de recuperação pós-anestésica com capacidade de 05 leitos, centro obstétrico com 02 salas de pré-parto, possuindo 3 camas de pré-parto e uma farmácia integrada.

No contexto hospitalar é o setor mais importante pela decisiva ação curativa da cirurgia, exigindo, assim detalhes minuciosos em sua construção para assegurar a execução de técnicas assépticas, instalação de equipamentos específicos que facilitem o ato cirúrgico.

São realizadas em média 250 cirurgias mês, além das cirurgias de urgência e emergência. Elas ocorrem no período matutino e vespertino, das 7 às 18hs.

Sala cirúrgica do Hospital Santa Cruz/Divulgação
Especialidade cirúrgica do Hospital Santa Cruz

Atualmente o Hospital Santa Cruz de Canoinhas possui uma equipe de cirurgiões de várias especialidades, entre eles: Neurocirurgia, urologia, traumatologia e ortopedia, cirurgia vascular, oftalmologia, cirurgia geral, ginecologia e obstetrícia, otorrinolaringologia, anestesiologia, dermatologia, bucomaxilo, cirugia plástica-estética e gastroenterologia.

Equipamentos 

Estão disponíveis no Centro Cirúrgico equipamentos de anestesia modernos, torres para realização de vídeo cirurgias, arco cirúrgico, microscópio Zeiss de última geração, neuroendoscópio, microscópio para oftalmologia, eletro cautério, bomba de infusão, monitor cardíaco, entre outros.

O que é arco cirúrgico

Arco cirúrgico é como um equipamento de raios-X no qual é possível produzir imagens em tempo real com até milhares de tons cinza através de geração de imagens digitais, através de um intensificador de imagem, o qual, aparecerá em um monitor, igual de televisão.

Arco cirúrgico utilizado em cirurgias no Hospital Santa Cruz/Divulgação
Usualmente utilizado em cirurgias em geral, urologia, ortopedia, vasculares, implantes de marca passos, entre outros procedimentos. 

Ele contribui para diminuir o tempo cirúrgico, facilitando a técnica cirúrgica pelo médico através da visualização da cirurgia pelo vídeo, diminuindo inclusive a exposição do paciente a radiação em comparação ao aparelho de raio X normal.

Equipe de enfermagem

O Centro Cirúrgico do Hospital Santa Cruz é composto por uma equipe de enfermagem que conta com 01 enfermeira coordenadora, 06 técnicos de enfermagem no período matutino e 06 no período vespertino, 04 técnicos para o período noturno. 
Entre os técnicos de enfermagem há colaboradores capacitados para a realização de instrumentação cirúrgica.

Além da equipe de enfermagem, o centro cirúrgico conta com 02 técnicos em radiologia, 03 técnicas em farmácia para contemplar todos os horários. 
E ainda 03 colaboradoras de higienização, que são altamente capacitadas e constantemente atualizadas para maior segurança das desinfecções das salas cirúrgicas.

Materiais de esterilização

O serviço da equipe na Central de Material e Esterilização (CME), composta por 04 técnicos de enfermagem, é responsável pelo controle, reparo e esterilização de artigo médico hospitalares.

A Central de Material e Esterilização faz a esterilização de artigo médico utilizados em cirurgia/Divulgação
Também faz a distribuição de material estéril para todo o hospital, garantindo a qualidade e contribuindo para a prevenção e controle da infecção relacionada a saúde, proporcionando condições seguras de assistência ao paciente, fornecendo materiais desinfetados e esterilizados.

Esta unidade está dividida em área de recepção e lavagem dos materiais, preparo, desinfecção, esterilização e estocagem e distribuição de materiais.
A CME realiza em média 180 esterilizações mês.

Música no Centro Cirúrgico

Devido ao ambiente cirúrgico, por natureza, ser gerador de ansiedade e stress, há um projeto em desenvolvimento sobre implantação de musicoterapia no Centro Cirúrgico. 

Às vezes, até as vestimentas da equipe médica assustam os pacientes, especialmente as crianças. 
Segundo alguns estudos, a aplicação de música controla a ansiedade dos pacientes, diminuindo batimentos cardíacos e pressão arterial.

Isso acontece porque a música é uma atividade de lazer, que ajuda o paciente a focar sua atenção, que antes estava voltada para dor e ansiedade, em alguma coisa mais prazerosa.

O paciente poderá escolher que estilo musical desejará escutar, por exemplo gospel, pop rock, sertanejo, enfim, o estilo musical de sua preferência, para que este momento se torne o menos estressante possível.

Fonte: Hospital Santa Cruz de Canoinhas - Karin Adur / Enfermeira