Monitorado com tornozeleira eletrônica perde a regalia e volta para a UPA de Canoinhas

Compartilhe:
O masculino C.A.S. de 29 anos, foi preso na tarde desta terça-feira (24), por agentes da Divisão de Investigação Criminal de Canoinhas (DIC), por violar regras de prisão domiciliar.

C.A. estava sendo monitorado com tornozeleira eletrônica e deveria ficar em sua residência, porém preferiu violar os termos da prisão domiciliar e sair de sua casa por diversas vezes.

Por descumprir regras, perdeu a regalia e ficará em regime fechado, no presídio de Canoinhas.
Diante destes fatos, o Poder Judiciário regrediu o regime da prisão de C.A. dos S. e expediu novo mandado para que o sentenciado retornasse à Unidade Prisional Avançada (UPA) de Canoinhas para cumprir o restante de sua pena.
Ele foi preso no bairro São Cristóvão, em Três Barras.

Mais dois presos

Também na tarde desta terça (24), equipes da Rocam Canoinhas em rondas próximo ao Estádio Municipal, abordou masculino em atitude suspeita circulando próximo a residências.

Foragido da justiça foi preso rondando algumas residências próximo ao estádio.
Com ele nada foi localizado, porém ao consultar o seu nome junto ao sistema, foi verificado que o masculino encontrava-se com Mandado de busca e apreensão ativo em seu desfavor.

Outro foragido foi preso no Campo da Água Verde.
Pouco depois, em rondas no Campo da Água Verde a equipe ROCAM realizou abordagem de outro masculino em atitude suspeita, o qual tem passagens em alguns crimes e também estava com mandado ativo.

Os masculinos foram conduzidos e entregues a autoridade competente.