Pesquisar neste site

Tragédia na BR 373. Acidente tira a vida de quatro pessoas da mesma família

Um acidente violento na tarde desta quinta-feira (15), na rodovia BR 373, no sudoeste do Paraná, tirou a vida de quatro pessoas da mesma família: Jonas e Clarice Sommer e duas crianças, filhos do casal.

Acidente no Paraná tira a vida de pastor da Igreja Batista do Sétimo Dia
O veículo em que a família viajava ficou totalmente destruído/Divulgação
A tragédia aconteceu após o veículo em que a família estava, um Citroen Picasso com placas de Santo Antônio do Sudoeste/PR, colidir frontalmente com um caminhão-tanque carregado de combustível.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o acidente ocorreu por volta das 14:00 quando o veículo, que seguida sentido à Curitiba, saiu da pista em uma curva, na região da reserva indígena, bateu em um barranco e ao voltar para a pista invadiu a pista contrária e bateu frontalmente contra o caminhão com placas de Francisco Beltrão/PR.

Jonas e Clarice Sommer, e seus filhos Paula e Marcos
Os quatro ocupantes do veículo morreram na hora/Facebook/Reprodução
Com o impacto da batida, o Citroen ficou destruído, sendo que os quatro ocupantes, o casal Jonas Sommer, 43 anos e Clarice Kolemberg Sommer, 42,  e os dois filhos, Paula de 4 anos e Marcos Paulo de 8 anos,  morreram na hora. 
O motorista do caminhão teve ferimentos leves e foi encaminhado para o hospital.

A PRF informou que o caminhão estava carregado com combustível, que vazou para a pista e interditou a rodovia. Até as 21h30, não havia previsão de liberação.

A rodovia foi totalmente interditada devido ao risco de explosão do combustível derramado. Imagem: PRF/Divulgação
O local foi isolado pelo Corpo de Bombeiros de Coronel Vivida devido a possibilidade de explosão com o derramamento de combustível.
Os corpos das vítimas foram encaminhados para o IML de Pato Branco. 

Jonas era pastor da Igreja Batista do Sétimo Dia e professor universitário. Dava aula de Cultura e Língua Inglesa, na Faculdade de Ampere, onde trabalhava desde 2016.
Milhares de mensagens nas redes sociais lamentaram a morte da família.