Canoinhense assume o comando-geral da Polícia Militar de Santa Catarina

A Polícia Militar de Santa Catarina terá um novo comandante a partir desta quinta-feira.
Com a presença do governador Eduardo Pinho Moreira, às 10h de hoje (22), houve a passagem do comando-geral do Coronel PM Paulo Henrique Hemm para o Coronel PM Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior.

O oficial tem perfil operacional e executa ações estratégicas e de planejamento na PM.
Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior tem 51 anos, é natural de Canoinhas e radicado na Capital.

Em sua trajetória profissional, na PMSC, o coronel exerceu como principais funções, a chefia da PM-6, o comando do 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Florianópolis, o comando da 11ª Região de Polícia Militar (RPM), responsável pela Grande Florianópolis, e o subcomando-geral da corporação.

Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior tem 51 anos, é natural de Canoinhas e radicado
 na Capital/Divulgação
Atuou também em Joinville, onde comandou o Pelotão de Polícia de Choque e criou o Pelotão de Paramédicos.

Em sua passagem pelo Corpo de Bombeiros, quando este ainda pertencia à PMSC, também coordenou programas na área de atendimento pré-hospitalar, resgate veicular e combate a incêndio.


Na Defesa Civil Estadual foi gerente de resposta a desastres e no Estado-Maior-Geral, órgão colegiado de assessoria ao Comando Geral da PMSC.

Araújo Gomes também desempenhou missões do Governo Federal, no Rio de Janeiro e Pará (missões do Ministério da Justiça) e na Serra Fluminense (missões do Ministério da Integração Nacional).

Com formação na área de desastres, emergências e segurança pública em diversos países como EUA, Colômbia, Argentina e Chile, ele também participou da Comitiva Brasileira que definiu a Estratégia Internacional de Redução de Desastres (Marco de Hyogo), no Fórum Mundial da ONU, no Japão.

Também atua como pesquisador no Centro Universitário de Estudos Sobre Desastres, da UFSC, onde já produziu diversos materiais de referência, para a gestão de desastres, utilizados em nível nacional.

Como tenente-coronel comandou o 4ª BPM, responsável pelas porções centro, sul e leste da Ilha de Santa Catarina, entre 2011 e 2016. 

Já no posto de coronel, no ano de 2016, permaneceu por um ano e dois meses no comando da 11ª Região Policial Militar, responsável pelos 12 municípios da Grande Florianópolis (com exceção da Capital), até assumir a função de subcomandante-geral da PMSC no dia 28 de abril de 2017.

Nas redes sociais, costuma participar intensamente com visão crítica na segurança pública e de interação com as comunidades.