Pioneiro da música tradicionalista, Adelar Bertussi, morre aos 84 anos

Compartilhe:
Adelar Bertussi foi um músico, acordeonista, cantor e compositor, destaque no cenário nacional. Foi um dos pioneiros na música tradicionalista gaúcha, junto com seu irmão Honeyde Bertussi ( falecido em janeiro de 1996 aos 72 anos).

Na década de 1950, Honeyde e Adelar se destacaram tocando e cantando e formaram a maior dupla gaúcha de todos os tempos, os Irmãos Bertussi.
Foram 70 anos dedicados à arte, com 400 músicas gravadas.


Adelar morreu neste sábado (30), no hospital de Campo Largo, no Paraná, onde estava internado há mais de 20 dias por problemas cardíacos e respiratórios.

O corpo dele deve chegar a Caxias do Sul, na serra gaúcha, de onde é natural, na madrugada de domingo (1). 
O velório será realizado no salão paroquial da comunidade de São Jorge da Mulada, em Criíva, e o sepultamento ocorrerá no cemitério da localidade.

"E o tropeiro vai-se embora, seguindo sua jornada; só o rastro da tropa fica, pela estrada empoeirada".