Três Barras realiza atualização vacinal de trabalhadores florestais

Trabalhadores florestais que receberam doses das vacinas.

O Ministério da Saúde alerta que todo adulto, a partir dos 20 anos, deve ser vacinado contra a Hepatite B e Febre Amarela, além de receber doses das vacinas Dupla Bacteriana (Difteria e Tétano) e Tríplice Viral (Sarampo, Rubéola e Caxumba).

Desde o início da semana passada a secretaria de Saúde e a Vigilância Epidemiológica de Três Barras vem realizando a atualização dos cartões de vacinas. 
A imunização segue até sexta-feira, 24, na Unidade Central de Saúde.

Balanço preliminar mostra que 96 doses de vacinas foram aplicadas em 55 homens até o momento. Desse total, 47 doses foram da vacina contra a febre amarela. 
Três Barras é um dos 162 municípios do Estado de Santa Catarina considerados como recomendáveis para vacinar moradores e visitantes contra a doença.
Trabalhador sendo vacinado

“Manter as vacinas em dia é uma maneira de se proteger, não colocar sua saúde e de outras pessoas em risco e de evitar a circulação de doenças graves que podem, inclusive, levar à morte”, explicou a enfermeira Katia Reis.

De 20 a 59 anos:

Hepatite B – 3 doses (0, 30 e 180 dias)
Dupla Bacteriana (Difteria e Tétano) em não vacinados: 3 doses (0, 60 e 120 dias, com reforço a cada 10 anos)
Febre Amarela: 1 dose em não vacinados (um único reforço em não vacinados)
Tríplice Viral (Sarampo, Rubéola e Caxumba): 1 dose em não vacinados

De 60 anos ou mais

Hepatite B – 3 doses (0, 30 e 180 dias)
Dupla Bacteriana (Difteria e Tétano) em não vacinados: 3 doses (0, 60 e 120 dias, com reforço a cada 10 anos)
Febre Amarela: 1 dose em não vacinados (um único reforço em não vacinados)
Tríplice Viral (Sarampo, Rubéola e Caxumba): 1 dose em não vacinados
Gripe Influenza: 1 dose anual
Antipneumocócica 3 Valente Polissacarídica (6): dose única

Assessoria
Prefeitura de Três Barras
Imagem: Divulgação