Servidora se engana e publica carta de amor em despacho de processo de prisão

Uma servidora do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), da comarca de Florianópolis e que não teve a identidade revelada, 'cometeu um erro' e publicou uma linda declaração de amor na movimentação de um processo de prisão em flagrante, em um despacho no sistema online do tribunal.
Ela se confundiu e colou o texto de um e-mail no local.

O processo é um auto de prisão em flagrante por crimes contra o Sistema Nacional de Armas e tráfico de drogas, da 2ª Vara da Capital.

A declaração entrou no sistema no fim do expediente de quarta-feira (10), após as 19h00 e foi retirada no início da tarde de quinta-feira (11).

“Sou muito feliz por estar ao seu lado e poder compartilhar bons momentos. Somos acima de tudo grandes amigos e amantes...”, diz um trecho da mensagem de amor.

Declaração de amor foi publicada em movimentação de processo no TJSC /Reprodução
Segundo o TJSC, a própria servidora percebeu o equívoco ainda na quarta-feira e procurou sua chefia relatando o ocorrido. Ela não tem autorização para retirar do site informações publicadas e precisou aguardar que seus superiores retirassem a declaração no início do expediente seguinte.

Em nota, o TJSC lamentou o “equívoco” e informou que a servidora, que não exerce cargo de chefia, foi “repreendida e advertida sobre a impropriedade e as consequências de seu lapso”.