Jovem de 19 anos foi assassinado por reclamar do barulho de motor de barco

Um pescador de 36 anos foi preso suspeito de ter matado um jovem de 19 anos a facadas em São Francisco do Sul, no litoral catarinense, no domingo (17). Segundo a Polícia Militar, o crime ocorreu após o jovem pedir que o homem desligasse o motor do barco, por volta das 3h da manhã.

Diefrey Amorim estava com dois amigos na praia da Maroca. Segundo a PM, os três teriam pedido para que o pescador desligasse o motor do barco por causa do barulho, mas o homem mandou eles saírem do local.

O grupo continuou na praia, mas em outro local, e foi surpreendido pelo pescador com uma faca e um pedaço de pau.

Diefrey Amorim morreu em consequência de duas facadas. Reprodução/Facebook
Diefrey levou uma facada no abdômen e outra no braço, segundo os bombeiros. Ele foi socorrido e encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Já os dois amigos teriam sido agredidos com pauladas.

Suspeito tentou fugir a nado

Quando os policiais chegaram na praia, o suspeito estava na sua embarcação no mar, a cerca de dois quilômetros da praia. Com auxílio de um pescador, os policiais se aproximaram da embarcação, momento em que o homem se jogou ao mar para fugir nadando mas acabou sendo capturado pelos policiais, ainda no mar.

O homem foi encaminhado à delegacia de São Francisco do Sul e depois para a unidade prisional da cidade.
De acordo com a PM, ele tem passagem policial por ameaça. A vítima não tinha passagens policiais, ainda conforme a PM.