Câmara de Vereadores de Canoinhas faz prestação de contas referente a 2017

O presidente Wilmar Sudoski (PSD) realizou na tarde desta quarta-feira (20), a prestação de contas da Câmara de Vereadores de Canoinhas sobre o período de 2017, com a presença do vice-prefeito Renato Pike (PR) e os vereadores Coronel Mário Erzinger (PR), Chico Mineiro (PR), Ivan Karuncho (PR), Telma Bley (PMDB) e Norma Pereira (PSDB). 

Na ocasião, o presidente apresentou informações sobre o trabalho realizado na casa e sobre as despesas e economias do poder legislativo neste ano. Em 2017, a Câmara irá devolver a quantia de R$1.040.170,06 à Prefeitura de Canoinhas, recurso que poderá ser investido em demandas da comunidade.

Divulgação
O vice-prefeito Renato Pike parabenizou a Câmara pela economia de recursos, destacando que o valor poderá ser utilizado em investimentos futuros pelo poder executivo. “Isso mostra a austeridade da Câmara, economizando recursos, gastando apenas o necessário e devolvendo esta quantia ao município”, afirmou.

Produção legistaltiva

A Câmara de Vereadores de Caninhas realizou ao longo deste ano 80 sessões ordinárias, 22 sessões extraordinárias e 05 sessões solenes. 
No total, foi realizada uma produção de 1650 matérias legislativas, destas, 228 Projetos de Lei Ordinários, 808 requerimentos e 587 indicações. 

Os vereadores ainda confeccionaram 14 Projetos de Resolução, 09 Projetos de Lei Complementar, 01 Projeto de Decreto Legislativo e 03 Projetos de Emenda à Lei Orgânica.

Orçamento

Com orçamento de R$4 milhões, a Câmara de Vereadores de Canoinhas teve um gasto total de R$3.269.487,76 neste ano. Do valor, R$3.049.373,48 foi destinado a pagamento de pessoal, R$26.797,98 em diárias, R$28.116,26 em materiais de consumo, R$149.062,04 em serviços de terceiros, e R$16.138,00 em aplicações em ativo fixo.

Iniciativa
Neste ano, por iniciativa do presidente Wilmar Sudoski (PSD), o poder legislativo do município passou a contar com a Câmara Mirim, formada por dez estudantes de cinco escolas municipais.
O processo de implantação do projeto iniciou no mês de julho e os vereadores mirins foram oficialmente empossados no mês de agosto. 

O projeto deve ter continuidade no próximo ano, supervisionado pelo presidente da mesa diretora de 2018, vereador Coronel Mário Erzinger (PR).

Em 2017, a Câmara também passou a abrigar a “Galeria do Contestado”, composta por oito fotos históricas e uma pintura do artista plástico Ivo Padilha sobre a Guerra do Contestado. 

O memorial foi desenvolvido em parceria com historiadores, jornalistas, fotógrafos, professores, entre outros conhecedores do conflito, que em conjunto fizeram a escolha das imagens e auxiliaram na perspectiva histórica da construção do quadro.