Adolescente vai parar em hospital após consumir bebida alcoólica dentro de escola, em Mafra

A Polícia Militar de Mafra foi chamada na tarde de quarta-feira (20), para uma escola na rua Escoteiro Souza Neto, Vila Ivete, em apoio ao Conselho Tutelar, para averiguar um aluno de 16 anos, que estava nas dependências da escola em visível estado de embriaguez.

No local foi constatado que outro aluno, um adolescente de 14 anos de idade levou uma garrafa de bebida alcoólica (vinho) que foi ingerida por ambos.
O adolescente de 16 anos estava passando mal, onde se fez necessário conduzi-lo até o Pronto Atendimento do Hospital de Mafra pelo Corpo de Bombeiros.

Imagem ilustrativa
A polícia identificou o local onde a bebida alcoólica foi vendida ao adolescente, sendo a proprietária e demais envolvidos encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Mafra, para as providências cabíveis.

Crime
A lei que que tornou crime vender, fornecer, servir, ministrar ou entregar, ainda que gratuitamente, bebida alcoólica a menores de 18 anos, entrou em vigor em março de 2015.

A medida também se estende a outros produtos que possam causar dependência física ou psíquica.
A pena pra o crime é de dois a quatro anos de detenção e multa que varia de R$ 3 mil a R$ 10 mil, além da interdição do estabelecimento comercial.