Realização de hemodiálise em Canoinhas é defendido por Norma Pereira


A vereadora Norma Pereira (PSDB) indicou a possibilidade de compra de cadeiras e equipamentos de hemodiálise para a UTI do Hospital Santa Cruz de Canoinhas. 

Em requerimento enviado ao Secretário de Estado de Saúde, Vicente Caropreso, ao Deputado Estadual Antônio Aguiar, e ao Senador Paulo Bauer, a vereadora ainda pediu para que seja formalizado convênio com o governo estadual ou federal em que seja disponibilizado valor mensal para custear a equipe técnica para os atendimentos, que demanda de enfermeiros, técnicos e nefrologista. 

Segundo Norma, há constantes queixas de pacientes que precisam se deslocar até Mafra para realizar o tratamento. 


A vereadora Telma Bley (PMDB) relatou que, além do deslocamento à Mafra, muitos pacientes precisam realizar o procedimento durante a madrugada. “Esses pacientes que fazem hemodiálise ficam muito debilitados”, afirmou. 

Apesar do custo de instalação dos equipamentos ser considerado baixo – cerca de R$200 mil, segundo a vereadora -, o procedimento demanda de uma equipe especializada, motivo pelo qual Norma pede pela verificação da possibilidade em firmar convênio com o estado ou união. 
“Há a necessidade de ter nefrologista, enfermeiros e outros profissionais técnicos”, informou.

Norma ainda solicitou informações sobre a viabilidade de adquirir um elevador de maca leito e maca de passageiro com dimensões necessárias para atender às necessidades do Hospital Santa Cruz de Canoinhas.