Pista de velocross do Parque de Exposições de Canoinhas ficará mais bonito e seguro


A equipe técnica da 3ª Companhia de Polícia Militar Ambiental em Canoinhas
emitiu um laudo onde identificou algumas árvores que estão em locais que apresentam riscos durante as corridas e treinos na pista de velocross do Parque de Exposições Ouro Verde de Canoinhas.

Algumas apresentam seu ciclo de vida completo, apresentando podridões e por estarem muito próximas da pista será necessário realizar o corte de algumas árvores da espécie Mimosa scabrella (Bracatinga).

Locais onde estão as bracatingas que serão cortadas. Divulgação
Em primeira etapa, durante o feriado do dia 15 de novembro, foi realizado o plantio em torno da pista de 60 mudas de árvores frutíferas das espécies conhecidas como Pitanga, Ariticum, Cereja, Gavirova e Araçá, que foram fornecidas pela Polícia Ambiental Comunitária-PAC. 
Na segunda etapa será realizado o corte das árvores pela Prefeitura Municipal, organizado pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

O objetivo além de oferecer mais segurança aos pilotos de velocross durante as corridas é também conscientizá-los da importância da função das árvores no meio ambiente. 
60 mudas de árvores frutíferas foram plantadas. Divulgação
Não serão apenas para oferecer sombra no box das equipes e amantes do esporte nos dias das corridas mas também como a troca de gás carbônico por oxigênio (fotossíntese), a utilização delas como poleiro pelos passarinhos para colocar seus ninhos, bem como para alimentação as aves quando essas árvores estiverem produzindo frutos.