Mulher é condenada a pagar R$ 5 mil reais à vizinha por tê-la chamado de 'baleia'

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina determinou que uma mulher
indenize uma vizinha em R$ 5 mil por chamá-la de 'baleia' e 'macaca' em Blumenau.

O caso ocorreu em 2012 mas só agora a decisão foi proferida.
A ré culpava a vizinha pela queda de um muro entre as duas casas e teria se apropriado de parte do terreno dela, chegando a agredi-la com vassoura e mangueira, segundo o processo judicial.

 A mulher terá que pagar R$ 5 mil reais por danos morais e materiais 
A Justiça determinou que a mulher indenize a antiga vizinha em R$ 5 mil por danos morais e materiais depois de ofendê-la com palavras como "gorda, baleia, elefante, idiota e macaca" diante de outras pessoas.
A vizinha negou as acusações e se declarou incapaz das agressões, pelo fato de ser idosa e de ter problemas ortopédicos.


O desembargador Luiz Cézar Medeiros entendeu que, embora a falta de cordialidade entre vizinhos não caracterize transtorno para provocar angústia e afetar uma pessoa, neste caso cabe indenização.

"Contudo, o cenário se altera quando a discussão ganha contornos agressivos e discriminatórios, como no presente caso", assinalou o desembargador.

O valor da indenização foi adequado de R$ 15 para R$ 5 mil. A decisão de indenizar a vítima foi tomada por unanimidade entre os integrantes da 5ª Câmara Civil do Tribunal de Justiça.
Conforme o órgão, cabe recurso da decisão.