Versão oficial do acidente que deixou uma vítima fatal na BR 280 em Canoinhas no domingo,27

As guarnições do Corpo de Bombeiros Militar de Canoinhas, deslocaram-se até a BR 280 KM 233, às 16h46m, no Bairro Alto das Palmeiras, onde se depararam com um acidente de trânsito envolvendo dois veículos.

Imagem: Corpo de Bombeiros/Divulgação
Um Ford Eco Sport placa DQA-3200 de Três Barras/SC, estava no meio da pista de rolamento e era conduzido pela feminina Brenda Leffel de 18 anos, que se encontrava ainda no interior do carro e apresentava-se consciente, com dores na coluna, (região cervical) e quadril.
A vítima foi devidamente imobilizada e conduzida pela guarnição do Corpo de Bombeiros, juntamente com o masculino E. I. F., 17 anos, o qual também era ocupante do veículo Eco Sport e estava deambulando na cena.

O segundo veículo envolvido, um Fiat Uno Placa AKI 2461 de Canoinhas/SC, estava apotado lateralizado ao lado da pista de rolamento e populares estavam sustentando manualmente o carro, para que o mesmo não tombasse mais uma vez.

Imagem: Corpo de Bombeiros/Divulgação
No veículo Uno havia dois ocupantes sendo que a corona Carolina Guedes, de 21 anos, encontrava-se parcialmente fora do carro apresentando obstrução de vias aéreas por sangue e foi atendida pelo Sub Ten Bombeiro Militar William, que estava passando no local e efetuou todos os procedimentos de primeiros socorros na mesma, antes da chegada das equipes de resgate.

A feminina apresentava-se politraumatizada e foi atendida e imobilizada pela guarnição do Corpo de Bombeiros, porém foi conduzida a Unidade de Pronto Atendimento de Canoinhas pelo SAMU.

Já o condutor Renato Silva, de 37, anos estava preso às ferragens. Como o veículo estava lateralizado a equipe de Resgate do Corpo de Bombeiros teve que primeiro estabilizar totalmente o carro, para em seguida efetuar o desencarceramento, sendo necessário cortar o teto e portas para poder expandir o painel, que prendia a vítima.

Imagem: Corpo de Bombeiros/Divulgação
Concluído o resgate, o condutor do carro recebeu devidamente o atendimento pré hospitalar e foi conduzido pela ambulância do Corpo de Bombeiros a UPA de Canoinhas.

A BR ficou interditada por cerca de 40 minutos, até que se concluísse todos os trabalhos de resgate e lavagem da pista. A PRF estava presente no local.

O Corpo de Bombeiros Militar de Canoinhas destaca o grande apoio que teve das guarnições da Polícia Militar de Canoinhas, durante a realização de todos os trabalhos de resgate.
Tecnologia do Blogger.