Pronto Atendimento de Canoinhas atendeu 295 pessoas só neste fim de semana

Aproximadamente uma pessoa a cada duas horas foi levada a Unidade de Pronto Atendimento de Canoinhas (UPA) neste final de semana pelo Corpo de Bombeiros ou pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

272 pessoas chegaram à UPA pela porta da frente (a média de atendimentos é de 150 pessoas/dia), por conta própria, fazendo com que a Secretaria de Saúde registrasse 295 atendimentos somente neste final de semana.

“Números são frios, mas eles refletem o cotidiano da UPA que sempre está atendendo. Às vezes as pessoas podem ter a impressão de que tudo está calmo, mas elas mesmas acabam não vendo o que acontece nos bastidores e nos outros setores justamente porque a UPA possui duas portas de atendimento: a primeira é para as pessoas que chegam por conta própria e a segunda é para pacientes conduzidos pelos Bombeiros ou Samu”, comenta a secretária de Saúde Alexandra Lavina Iglikowski.
Unidade de Pronto Atendimento de Canoinhas recebeu uma pessoa a cada duas horas, levadas pelas equipes de resgate.
Somente no sábado, durante o dia, a UPA fez sete internamentos para pacientes trazidos pelo Samu e Corpo de Bombeiros. “Estes encaminhamentos, assim como os para exames demoram e exigem uma demanda grande da equipe”, explica Alexandra. No final de semana, duas pessoas faleceram na UPA que atendeu ainda múltiplas vítimas de um grave acidente na BR-280.


“Vítimas de acidentes e pessoas que chegam pelo Samu ou Bombeiros demandam tempo e esforço de toda a equipe em algumas circunstâncias. Afinal, estamos salvando vidas nestes atendimentos”, lembra Alexandra. 

Para atender aproximadamente 150 pessoas por dia, 40 funcionários atuam na unidade em regime de plantão.