Preso dois suspeitos de terem roubado 12 toneladas de fumo de agricultores no interior de Canoinhas

Na manhã desta terça-feira (18), a Polícia Civil de Canoinhas, através da Divisão de Investigação Criminal - D.I.C - prendeu duas pessoas suspeitas de terem participado do roubo de 12 (doze) mil quilos de tabaco,  avaliados em aproximadamente R$120.000,00.

Participaram da ação a D.I.C da Polícia Civil de Canoinhas, policiais civis 22ª DRP, DPMus de Bela Vista do Toldo, Três Barras, Irineópolis e da Divisão de Investigação Policial de Porto União.
Imagem: PCSC/Divulgação
O crime aconteceu na localidade de Rio Pretinho, zona rural de Canoinhas, no dia 22 de junho deste ano, ocasião em que sete elementos armados e encapuzados, renderam uma família de agricultores e os mantiveram em cárcere privado, fugindo em seguida com a carga de tabaco.

Um veículo Fiat Uno, da propriedade da família, também foi usado na fuga, sendo encontrado no dia seguinte pela Polícia Militar de Porto União, na região de Cachoeirinha.

Veículo Fiat Uno que foi usado pelos assaltantes durante a fuga foi localizado pela PM de Porto União no dia seguinte ao assalto. Imagem: Divulgação
Na manhã desta terça (18),  foram cumpridos dois mandados judiciais de Busca e Apreensão e dois mandados judiciais de Prisão Preventiva  decretados pela justiça nas cidades de Bela Vista do Toldo, Canoinhas e Irineópolis.

As investigações foram realizadas por agentes do setor de Furtos e Roubos da D.I.C da Polícia Civil de Canoinhas,  comandados pelo Delegado de Polícia Civil Flavio Lima e Siva Júnior.

Para esta operação, a D.I.C de Canoinhas contou com o apoio de policiais civis 22ª DRP, DPMus de Bela Vista do Toldo, Três Barras, Irineópolis e da Divisão de Investigação Policial de Porto União. 

As duas pessoas presas foram conduzidas à Unidade Prisional Avançada - UPA - de Canoinhas. Outras três pessoas seguem foragidas.
Além das pessoas com prisão preventiva decretada, outras poderão ser presas no transcorrer das investigações.

Tecnologia do Blogger.