Oito fogões a gás e muito lixo foram retirados da margem do Rio Água Verde em Canoinhas

A Prefeitura de Canoinhas, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, recolheu oito fogões a gás e 45 sacos com lixo em um pequeno trecho às margens do Rio Água Verde, em Canoinhas

A ação foi coordenada pelo supervisor do Meio Ambiente, Adinor da Silva, e contou com ajuda dos reeducandos da Unidade Prisional Avançada (UPA), de profissionais da Serrana e de dois moradores vizinhos ao local. 


“É lamentável que as pessoas não cuidem do nosso rio. Pedimos que quem vai pescar, quem mora no entorno do rio e demais pessoas que cuidem deste bem tão precioso que temos”, solicita o secretário do Meio Ambiente Hilário Kath. 

Lugar de lixo, como lembra Kath, não é ao lado ou dentro do rio. “As pessoas precisam lembrar que depositar lixo em lugar inapropriado é crime passível de punição. Se todos ajudarem, com certeza teremos menos lixo indo para o rio”, alerta.