Prefeito de Irineópolis cobra construção da substação da CELESC na região.

Audiência com presidente da CELESC
Mais uma vez o prefeito de Irineópolis, Juliano Pozzi Pereira esteve em Florianópolis para saber sobre o andamento do processo de construção da subestação da Celesc na região.

A audiência com o presidente da Celesc, Cleverson Siewert, aconteceu na tarde de quarta-feira, 08, e contou com a participação do deputado estadual Antônio Aguiar, do presidente da Câmara de Vereadores de Irineópolis, Sérgio Binder e do secretário de Agricultura do município, Francisco Eraldo Konkol.

De acordo com o prefeito, a conversa com o presidente da Celesc foi muito proveitosa.
Na oportunidade Siewert explicou sobre o processo burocrático que envolve a obra e se comprometeu a dar andamento ao projeto de construção da subestação nos próximos dias. “Já estamos aptos para terminar o projeto específico da obra e assim poderemos lançar o edital de licitação da obra”, explicou o presidente e disse ainda que cuidará pessoalmente de todo o processo e nos próximos dias trará mais informações sobre a obra.

A nova subestação terá capacidade de 34,5 mil volts e beneficiará os moradores de Irineópolis e ainda moradores das localidades de Pinheiros, Barra Mansa, Rio dos Pardos e Rio da Areia, em Canoinhas, que sofrem há anos com problema das constantes quedas de energia, especialmente durante o período da cura do tabaco, quando os produtores aumentam o consumo nas estufas. Por conta das constantes quedas há perdas na qualidade e no faturamento da produção de tabaco no município. Portal notícias.

Conforme os diretores da Celesc, a obra, no valor de R$ 15 milhões será financiada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e deve estar concluída no primeiro trimestre de 2018.